Uma bebida fermentada com maior crescimento no mercado!

Dentro do contexto de mudanças significativas no comportamento alimentar dos pacientes, em 2020, visando a maior preocupação com a saúde e com a escolha de alimentos nutritivos, as bebidas funcionais apresentaram um avanço expressivo no consumo. Dentre elas, pode-se destacar a Kombucha!

Segundo pesquisas de mercado, em 2018, as vendas, no varejo, dessa bebida aumentaram 49%, influenciadas pelo aumento da busca por um estilo de vida mais saudável. Hoje, é o produto de crescimento mais rápido no mercado de bebidas saudáveis, sendo a opção de bebida fermentada de baixo teor alcoólico mais popular em todo o mundo.

Definição e características nutricionais da Kombucha

É uma bebida fermentada 100% natural, com um rico perfil nutricional, já que contém vitaminas, minerais, enzimas e ácidos orgânicos, podendo ser encontrada com ou sem álcool. De acordo com especificações do MAPA, a Kombucha não alcoólica, elaborada somente com os ingredientes obrigatórios e isenta de qualquer ingrediente opcional, pode ser chamada de Kombucha Original.

Mas, quais são seus ingredientes obrigatórios?

Segundo o órgão regulatório, os ingredientes obrigatórios da kombucha são: água potável, infusão ou extrato aquoso de Camellia sinensis, açúcares e cultura simbiótica de bactérias e leveduras, chamado de SCOBY.

Já os ingredientes opcionais podem ser tanto nutrientes, como fibras, sais minerais e vitaminas ou frutas, vegetais, especiarias, mel, melado e outros açúcares de origem vegetal, gás carbônico industrialmente puro, bem como aromatizantes naturais e corantes naturais autorizados em legislação específica da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), até pelo fato da bebida não perder a característica de ser 100% feita com ingredientes naturais.

Como a Kombucha é feita?

Sua produção acontece por meio de um processo chamado de fermentação anaeróbia do mosto, que se caracteriza como uma infusão ou extração das ervas do chá-verde (Camellia sinensis) e do açúcar, sendo fermentadas pela cultura simbiótica de bactérias e leveduras microbiologicamente ativas (SCOBY). É importante ressaltar que, durante o processo de fermentação, todo o açúcar do extrato ou infusão, incluindo a frutose das frutas, é consumido pelos organismos para gerar os componentes que dão característica à essa bebida.

Vale ressaltar que os estudos em humanos com a administração da kombucha ainda são limitados, e esse fator deve ser levado em consideração na escolha da conduta nutricional e da prescrição.

Você sabia que existe uma Associação Brasileira da Kombucha?

A Associação Brasileira da Kombucha (ABKOM) é uma iniciativa sem fins lucrativos, fundada em 2018, que tem como objetivo unir, proteger e representar os produtores comerciais de kombucha do Brasil. O primeiro grande passo da ABKOM foi incluir a kombucha na legislação brasileira associadamente aos órgãos competentes, resultando na abertura da consulta pública pelo Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento – MAPA.

Marcas que valem a pena indicar na sua conduta!

Atualmente, existem, no mercado, diferentes marcas que trazem a kombucha pronta para consumo, seja  com teor alcoólico ou não. Por isso, separamos algumas que valem a pena você indicar aos pacientes!

Greenpeople

Com 3 opções de sabores, Tangerina, Maçã e Maracujá e comercializada em garrafas de vidro de 350 ml, a linha de Kombucha da Greenpeople mantém a qualidade dos produtos da Greenpeople, que se preocupa em facilitar a rotina dos consumidores, tornando-a muito mais saudável e nutritiva. Conheça mais no site.

Tao Kombucha

A Tao Kombucha é uma marca especializada na produção de bebida fermentada, sendo a primeira fábrica de kombucha constituída na América do Sul. Atualmente conta com 3 linhas principais: Select, Basic e Classic, uma gama diversa de sabores e certificação orgânica. Conheça mais no site.

Campo Largo

A linha de Kombucha da Campo Largo, mantém a qualidade, a inovação e a preocupação com sustentabilidade da marca, e conta com 3 opções de sabores: Hibisco&Cranberry, Limão&Gengibre e Manga&Cúrcuma. Todas possuem baixo valor calórico, são 0% sódio e não possuem conservantes,  mantém a qualidade dos produtos da Greenpeople, que se preocupa em facilitar a rotina dos consumidores, tornando-a muito mais saudável e nutritiva. Conheça mais no site.

REFERÊNCIAS

JUNG, Y. et al. Effect of Kombucha on gut-microbiota in mouse having non-alcoholic fatty liver disease. Food Sci Biotechnol., v. 28, n. 1, p. 261-267, 2019.

BRASIL. Associação Brasileira de Kombucha – ABKOM. Disponível em: <https://abkom.org.br/quem-somos/>. Acesso em: 12 nov. 2020.

MAPA – Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento. Instrução normativa nº 41, de 17 de setembro de 2019. Disponível em: <https://pesquisa.in.gov.br/imprensa/jsp/visualiza/index.jsp?data=18/09/2019&jornal=515&pagina=13&totalArquivos=76> Acesso em: 12 nov. 2020.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui