Projeto criado como resultado de uma parceria entre México e Alemanha, estimula a criação de colmeias com o uso de canudos plásticos usados.

A marca mexicana Son de Miel, em parceria com a agência de marketing digital Flock-Linked by Isobar e a produtora Praxlab, uniram-se para criar o Last Straw. O projeto tem como objetivo salvar abelhas da espécie Apis Mellifera, a mais importante do mundo, pois influencia diretamente na alimentação humana. Além de contribuir para a redução do desperdício de plástico.

Ao identificar que o diâmetro de um canudo plástico é bem semelhante à célula de uma colmeia, os criadores do projeto decidiram criar favos de mel artificiais com canudos plásticos reutilizados. Assim, as colmeias podem durar por muito mais tempo, reduzindo o trabalho exigido pelas abelhas em sua construção, fazendo com que elas se concentrem na reprodução da colônia.

Os canudos utilizados na concepção do projeto devem utilizar o mesmo tipo de plástico das colmeias artificiais, o polietileno. Assim, as abelhas terão maior probabilidade de aceitar e se adaptar ao material. A fim de evitar microrganismos externos que afetem a saúde das abelhas, todos os canudos passam por esterilização antes de serem utilizados.

A equipe do projeto reuniu acadêmicos, apicultores e designers industriais especializados, para ampliar as perspectivas e assegurar a viabilidade e especificações técnicas que a colmeia precisava ter. O protótipo final do projeto está disponível, assim como os projetos para a colméia e os favos de mel, para download no site Last Straw, o intuito é que o modelo sirva de inspiração e possa ser replicado em qualquer lugar do mundo. 

Conheça mais sobre o projeto!

Fonte: Pensamento Verde

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui